18 de junho de 2017

Se me fazes falta? Fazes. Só me apetece chorar até o ar deixar de correr pelos meus pulmões. Não vejo sentido na vida. Esforço-me para deixar de pensar em ti e quando acho que consigo foi o momento em que falhei. És a tatuagem que nunca fiz. Só te tinha pedido que fosses capaz de cumprir a tua promessa mas não foste. Claro que não foste.
Eu não valia tanto a pena quanto isso.
Eu não era o que tu realmente querias.
Era só deixares de dizer que eras capaz de ir embora.

Sem comentários:

Enviar um comentário

«O teu anjo da guarda fala pela boca daquela mulher, que não tem mais inteligência que a do coração, alumiada pelo seu amor.»