10 de janeiro de 2013

Solta o demónio que tens no corpo.

Podia estar horas a enganar-me, dias a fingir que não doí, que não custa. Já chega, eu como tal como tu sou humana, eu erro, e se hoje sou o que menos gostas aguenta-te, porque a minha vida não é fácil que a tua, entendes? Claro que não entendes, porque eu movia os céus para te ver a sorrir, eu movia o inferno para te acalmar, dava o meu corpo como teu refugia e tu nem vias. Tu nunca vias, nunca quiseste ver. Dizes que exagero quando escrevo que é por isso que tenho sucesso, mas que é isso que me vai fazer ficar sozinha neste mundo sujo, despida de ti e de todos os que amo e quero comigo. Pára, pára de fingir e de fazer com que eu continue a fingir. Fica no teu miserável canto e deixa-me respirar o ar que me tiraste, quero viver a vida que contigo eu nunca consegui. Fazes com que eu sinta que não mereço a pena, podes parar? Morre, desaparece, saí daqui, deixa-me. Não seria a primeira vez, mas acredita que será a última. Chega, de vires quando queres, usares o meu ombro como salvação e deixares o meu coração pequeno e partido, como sempre, como todas as vezes. Quero deixar de te ver, de sentir que existes, porque tu... Nem és real. Mas eu sou, eu estou viva, eu respiro, eu caminho descalça no teu mundo na esperança de não ser mais bem vinda. Manda-me embora, larga-me, causas-me pesadelos, náuseas. Por favor, imploro-te, cala-te ou mata-me de uma vez.

19 comentários:

  1. Agora também não me lembro LOL desculpa querida xD

    ResponderEliminar
  2. Gosto muito do texto!
    Não percebi a tua pergunta '' Estas a fazer sucesso'' Nao percebi!

    ResponderEliminar
  3. adorei o texto querida.
    também me perdi na conversa :c

    ResponderEliminar
  4. está lindo o texto! escreves mesmo tão bem :) fiquei na indecisão se é ficção ou realidade =/

    ResponderEliminar
  5. O ultimo que tu seguias, eu apaguei-o (:

    ResponderEliminar
  6. não tens de pedir desculpa pela ausencia doce. ihih mas senti a tua falta. este texto esta muito intenso :) esta tudo bem?

    ResponderEliminar
  7. Não faz mal linda, começa outra xd <3

    ResponderEliminar
  8. não tem mal querida, inicia-se uma nova!

    ResponderEliminar
  9. eu estou mais ao menos querida, ando aqui com um grande dilema na minha cabeça...

    ResponderEliminar
  10. Sinceramente, eu também me perdi um bocado na conversa :s

    ResponderEliminar
  11. tenho conseguido aguentar não lhe dizer nada.. falei com ele pela ultima vez a semana passada... e custa mas estou a conseguir..

    ResponderEliminar
  12. tenho conseguido aguentar não lhe dizer nada.. falei com ele pela ultima vez a semana passada... e custa mas estou a conseguir..

    ResponderEliminar
  13. adoro a forma como escrever mas fiquei realmente preocupada contigo querida, que se passou ? :s
    E desculpa só responder agora, mas estive muito ausente do blog
    beijinhos*

    ResponderEliminar
  14. Foi passado com a familia... Como agora ando a estudar fora de casa, tenho que aproveitar os minutinhos com a familia :D e o teu? Querida, que se passa?? Este texto.......

    ResponderEliminar
  15. talvez tenha valido a pena. agora não há como voltar atrás...

    ResponderEliminar
  16. Eu perdi-me no facto de não saber cuidar de mim!
    Obrigada pela atenção amor... <3

    ResponderEliminar

«O teu anjo da guarda fala pela boca daquela mulher, que não tem mais inteligência que a do coração, alumiada pelo seu amor.»